Aprenda como otimizar a carteira de clientes da sua empresa

Publicado em 05/nov/2018 por Christiane Braz Heigasi Scabbia - Sem Comentários

carteira de clientes

Gerenciar e otimizar a carteira de clientes são práticas que vão além de organização e meras ações administrativas. Elas consistem em estratégias fundamentais para melhorar os processos de atendimento da empresa, sobretudo o relacionamento com o público. O problema é que grande parte dos empreendedores ou não sabe como fazer ou não descobriu, ainda, a importância dessa iniciativa.

Um banco de informações precisas acerca dos clientes permite que o gestor administre com eficiência os processos de atendimento, identificando quais devem receber mais atenção em determinado momento, bem como oportunidades para fortalecer vínculos. Os dados são úteis para conhecer o perfil e os hábitos de consumo do público, elementos valiosos para quem busca melhorar os resultados do negócio.

Se você não sabe o que é gestão da carteira de clientes e tampouco como otimizá-la, está no lugar certo. Neste post, explicaremos essa prática empresarial, como ela é importante para o negócio e quais são as ferramentas disponíveis atualmente para utilizá-la de maneira otimizada. Ficou curioso? Então, continue a leitura até o fim e acompanhe os tópicos abaixo!

Organize e categorize os clientes

Organizar a carteira de clientes significa, primeiro, ter um banco de dados com uma série de informações pessoais dos consumidores, assim como do histórico de atendimento, de compra de produto ou contratação de serviço.

Essas informações são importantes para conhecer o cliente e seu status atual de relação com a empresa — se ele está ativo ou inativo, por exemplo. Claro que essa organização varia de acordo com o segmento de atuação e do próprio perfil do cliente (ex: é pessoa física ou jurídica?).

Categorização

Já a categorização representa classificar o funil, ou seja, o estágio no qual os consumidores estão com relação à sua empresa. Por exemplo: é preciso delimitar os potenciais (pertencentes ao público-alvo, mas que não compraram ou contrataram ainda), que se encontram no topo do funil; os que já demonstraram interesse e entraram em contato estão no meio; e há aqueles que já são consumidores e que, portanto, estão do fundo. O processo de categorização será fundamental para direcionar as ações que serão aplicadas na abordagem dos consumidores do seu produto ou serviço.

Utilize ferramentas adequadas para a gestão da carteira de clientes

Toda essa classificação e categorização são importantes para o gestor identificar as abordagens necessárias de atendimento para cada cliente: para aqueles que ainda não fazem parte da carteira, que apenas estão interessados no produto ou serviço, ou que já compraram ou contrataram.

A administração e otimização da carteira de clientes podem ser feitas de diferentes formas. As mais indicadas são aquelas que utilizam ferramentas tecnológicas, como o software ERP (Enterprise Resource Planning), CRM (Customer Relationship Management) ou mesmo soluções de BI (Business Intelligence).

Conheça a jornada de seu cliente

A partir dos dados dos clientes, devidamente organizados e sistematizados, é possível realizar análises para adotar estratégias de atendimento, como a abordagem e o tipo de relacionamento.

É viável, também, para adequar a linguagem e os canais de comunicação pertinentes para cada público no processo de atendimento. O importante é sempre ter como prioridade o objetivo de satisfazer o cliente — essa é a razão de uma gestão.

Realize boas práticas de atendimento

Por fim, vale destacarmos que as boas práticas de atendimento são imprescindíveis e são muito mais concretas aliadas a uma carteira de clientes gerida com qualidade e eficiência. Mas lembre-se: é preciso realizar essas práticas.

Dizemos sempre em nossos artigos que técnicas, soluções e ferramentas tecnológicas são insuficientes se o atendimento não for humanizado, empático e otimizado. Para chegar a esse objetivo, portanto, é necessário contar com uma carteira de clientes bem organizada, tanto para conseguir fidelização como para conquistar novas oportunidades.

O que achou do conteúdo? Comente conosco suas experiências envolvendo gestão e otimização de carteira de clientes!

PA digital multicanal
case de atendimento ao cliente
dicas para cobrança
autoatendimento
dimensionamento call center

Confira os artigos relacionados


Deixe seu comentário